Comitês

COWAP Brasil – Comitê Mulheres e Psicanálise

 

Um pouco da História

O Cowap é um comitê científico da IPA, que foi instituído em 1998, na gestão de Otto Kenberg, e sua primeira Chair Internacional foi a psicanalista inglesa Joan Raphael-Leff. Mariam Alizade (1943-2013) foi a primeira Co-chair pela América Latina que, entre seus feitos, instituiu os “Diálogos Latinoamericanos Intergeracionales entre Hombres y Mujeres”, realizados bienalmente desde 1999.

No Brasil, o Cowap foi incialmente organizado por Renata Aleotti da SBPSP (Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo) e aos poucos se expandiu para as diversas Sociedades Psicanalíticas. Em 2001, Teresa Haudenschild organizou as representações do Cowap no país e quatro anos depois articulou a oficialização do Cowap Brasil junto à Febrapsi.

 

O trabalho

O comitê busca o estudo e aprofundamento das complexas relações entre categorias de sexualidade e gênero, parentalidade, conjugalidade, reprodução assistida e temas afins, considerando suas implicações no psiquismo e vinculando o pensamento psicanalítico teórico e clínico ao mundo exterior. Abordagem não apenas significativa do ponto de vista sociocultural, mas que muitas vezes contribuiu para uma revisão e atualização dos conceitos psicanalíticos.

Atualmente, na Comissão Cowap Brasil Gestão 2020 – 2021 temos como Representante Cowap Brasil junto à Febrapsi, Rosa Sander Lang (SPRJ) e Juliana Picado Alvares R. dos Santos (SBPSP/filiada) como representante do Cowap Brasil junto à Associação Brasileira de Candidatos – ABC.

Atualmente, representando a Sociedade Psicanalitica de Pelotas, está Priscylla Rotta Gonçalves como representante dos Candidatos Cowap Brasil e Mariana Rache como membro de enlace Cowap Brasil.